Bolachas saudáveis de aveia, abóbora e canela com pedaços de chocolate

Como devem ter reparado, as publicações no blog estão a tornar-se mais espaçadas. Isso deve-se ao facto de os meus interesses serem extremamente cíclicos (sendo que, neste momento, estou obcecada com o Radiant Historia), mas também ao cansaço físico e mental que se tem feito sentir para estes lados. A vida não está fácil para ninguém, não é? De qualquer maneira, com maior ou menor periodicidade, e (quase) independentemente dos sinais vitais da dona, o Polifagia Nervosa está vivo, e bem vivo: tenho dezenas de receitas deliciosas reservadas para partilhar, portanto, mesmo que nunca mais cozinhasse na vida, uma quantidade muito generosa de posts ainda estaria garantida enquanto eu respirasse!

O que vos trago hoje é a minha nova obsessão (para lanches, sobremesas, só porque sim…), inspirada numa receita fantástica da Katie do Chocolate Covered Katie, um pouco modificada por mim: bolachas de abóbora e chocolate com base de aveia, um prazer muito pouco culpado, perfeito para o frio que se começa a fazer sentir, com todo o sabor da abóbora e da canela e o valor ridículo de 59 calorias por bolacha — o mesmo que qualquer bolacha de pequeno-almoço de venda, e incomparavelmente mais delicioso! Desde que as descobri (o que não foi assim há tanto tempo, já que a Katie publicou a receita há sensivelmente um mês, no inaugurar da época da abóbora), estas tentações do Diabo — densas e cheias de sabor, com o toque especialmente artesanal do chocolate grosseiramente picado — já foram feitas variadíssimas vezes: tanto enquanto desculpa para abrir frascos de puré de abóbora, como enquanto forma de os terminar (para baixo, todos os santos ajudam). E, se eu fiquei tão apanhada, quem são vocês para se safarem, não é verdade?

Nota: A imagem neste post é de uma versão das bolachas feita com pepitas de chocolate, em vez do chocolate culinário grosseiramente picado que indico no texto. Prefiro fortemente a segunda hipótese, pelo que a recomendo, apesar da fotografia!

FICHA TÉCNICA

  • Tempo: 10 min (preparação) + 10 min (forno).
  • Dificuldade: Muito baixa.
  • Porções: ~16 bolachas.
  • Calorias (total): 948 kcal.
  • Calorias (1 bolacha): 59 kcal.

Ler o resto da receita >

Anúncios

Muffins integrais de maçã e canela com crumble de aveia

Como tenho a certeza de que já mencionei aqui no blog pelo menos meia dúzia de vezes (ou duas, ou dez, que esta memória já teve melhores dias), até há relativamente pouco tempo, a única pessoa que usava a nossa cozinha era mesmo o meu colega de casa, que todos os dias prepara refeições deliciosas para nós. (Não, não é o meu namorado, “e eu é que tenho vergonha de admitir”. Não, também não é o “marido da doutora”, como uma senhora adorável indagou à entrada do prédio, no outro dia. É mesmo só um amigo, e a pessoa com quem eu coabito. O namorado existe, de facto, mas tenho quase a certeza de que tem outra cara — e garanto que não tenho qualquer vergonha dele!)

Este meu talentoso parceiro de habitação tem muito poucos contactos na área de Lisboa, visto que foi apenas uma oferta de emprego que o trouxe para sul — o que, pensei eu lá para Setembro, potencialmente tornaria o seu aniversário, no mês seguinte, um bocado tristonho. Para alegrar um pouco a ocasião (ou o estômago, que é a mesma coisa, porque o estômago é tudo), ocorreu-me, na madrugada desse feliz dia Balança, preparar qualquer coisa doce que ele pudesse, inclusive, levar para o trabalho: e foi assim que, às quatro da manhã de um dia incógnito de Outubro, dei por mim na cozinha, a seguir à risca (…OK, confesso, a cortar no açúcar e a substituir o óleo por manteiga magra…) uma receita deliciosa de muffins de maçã com crumble de aveia do livro da Joana Macieira — no maior silêncio possível.

O que aconteceu no dia seguinte foi algo que, bem vistas as coisas, não sei se é de rir ou chorar. O meu bem intencionado companheiro levou o conjunto de queques para o local de trabalho, de facto — até aí, tudo bem. No entanto, não se adiantou nem se precaveu… e acabou por não sobrar nada para ele, a não ser pedidos desesperados de partilha da receita. Como pessoa adiantada e precavida que eu sou, claro que tinha um extra em casa (reservado, já agora, para o namorado — o verdadeiro!); após conversa muito breve com o dono originalmente pretendido, o exemplar foi carinhosamente concedido a quem de direito, e lá se salvou o inusitado dia.

A opinião sobre estes muffins deliciosos, altos e fofos, com cobertura estaladiça, foi unânime: os melhores que já fiz (isto vai sendo dito, eu sei: mas hey, pelas leis da lógica, a vez mais recente é sempre a mais válida). O aniversariante, após a merecida e adiada prova, disse que esta era, finalmente, uma receita a que nada podia ser apontado. As calorias, uma coisa insignificante — 128 sem o crumble, 167 com. Chega para vos fazer mexer?

FICHA TÉCNICA

  • Tempo: 30 min (preparação) + 20 min (forno).
  • Dificuldade: Média-baixa.
  • Porções: 9 muffins.
  • Calorias (total): 1150 (sem crumble); 1500 kcal (com crumble).
  • Calorias (1 muffin): 128 kcal (sem crumble); 167 kcal (com crumble).

Ler o resto da receita >

Muffins integrais de pêra e canela recheados com Nutella

Devo confessar que o sucesso que passei a ter com os muffins, desde o momento em que aprendi a cozê-los direito, me tem vindo a deixar um pouco… obcecada com este tipo de bolo. Recentemente, fiz para a família uma adaptação (ainda mais) saudável e sem mel desta receita deliciosa de muffins de pêra e canela da já mencionada expert de muffins Joana Macieira, e o sucesso foi tal que, no espaço de dois dias, tive de os fazer várias vezes (“Estes são, de longe, os melhores até agora”, ouvia-se por toda a casa. “Hoje de manhã não te ouvi na cozinha, então!?”, gritavam, com cintos na mão. Séculos de feminismo para isto.).

Por feliz coincidência, a receita de hoje da Neuza do Sabor Intenso foi, precisamente, muffins de pêra recheados com Nutella. A simulação mental da receita pareceu-me tão deliciosa que, imediatamente, decidi experimentá-la; no entanto, e a criar impasse, tinha ainda na cabeça o sabor indescritível dos muffins de pêra e canela, que nos tinham conquistado a todos… conclusão? Acabei por criar a minha própria receita: uma adaptação dos muffins da Joana, como já fizera, mas agora recheados com Nutella, tal como descrito pela Neuza; tudo isto cozido da maneira que — agora que já sou, eu própria, quase expert(right)  me pareceu mais adequada. O resultado foi… bom, é melhor experimentarem por vocês próprios. A sério. Estes foram, até agora, os meus muffins preferidos; inacreditavelmente, consegui que tivessem, mesmo com a Nutella, apenas 133 calorias — sempre com a possibilidade, naturalmente, de não os rechear, e descer esse valor para uns benditos 106. Sim, eu sou mágica.

(Olhem só para a imagem. O que ainda estão aqui a fazer?)

FICHA TÉCNICA

  • Tempo: 30 min (preparação) + 18 min (forno).
  • Dificuldade: Baixa.
  • Porções: 12 muffins.
  • Calorias (total): 1270 (sem Nutella); 1600 kcal (com ~5g de Nutella por muffin).
  • Calorias (1 muffin): 106 kcal (sem Nutella); 133kcal (com ~5g de Nutella).

Ler o resto da receita >