Bolo húmido de abóbora e nozes

Uma coisa que tem vindo a acontecer ultimamente, e que se reflecte nas publicações do Polifagia Nervosa, é o aumento exponencial do rácio de receitas de muffins, brownies, biscoitos e semelhantes que experimento — principalmente, desde que sigo blogs e livros anglo-saxónicos —, em detrimento dos… bom, dos bons velhos bolos clássicos, que são precisamente aquilo que, na minha infância e durante praticamente toda a minha vida, mais cozinhei.

Há uns tempos, vi uma receita no blog da minha tia que me fez crescer água na boca como já há muito não acontecia. Era um bolo de abóbora e nozes — ambos sabores outonais que adoro, e que resultam maravilhosamente em conjunto —, já de si adaptado (e bastante modificado) de uma formulação mais “gordinha” da Martha Stewart. A versão da minha tia apelou-me muito mais, e, por isso, mal consegui passar pela Glood para comprar o puré de abóbora em lata (o caseiro é demasiado líquido para este bolo!), pus mãos à obra.

Também fiz algumas modificações, embora muito ligeiras; as principais foram mesmo os tipos e quantidades de açúcares  e gorduras usados. O resultado foi um bolo húmido, denso e ridiculamente delicioso, não especialmente calórico, que faz todas as honras a esta bela estação — e que eu, o meu namorado e o meu colega de casa fizemos desaparecer em menos de um dia.

FICHA TÉCNICA

  • Tempo: 30 min (preparação) + 45 min (forno).
  • Dificuldade: Baixa.
  • Porções: 12 doses.
  • Calorias (total): 2630 kcal (sem coberturas).
  • Calorias (1 dose): 220 kcal (sem coberturas).

INGREDIENTES

  • 100g de miolo de noz;
  • 215g + 1 colher de sopa de farinha de trigo sem fermento;
  • 1/2 colher de chá de fermento em pó;
  • 1/2 colher de chá de bicarbonato de sódio;
  • 1 colher de chá de canela em pó;
  • 1/2 colher de chá de noz-moscada;
  • 1/4 colher de chá de sal fino;
  • 200g de açúcar branco;
  • 120g de manteiga magra;
  • 2 ovos;
  • 240mL de puré de abóbora em lata (o caseiro é demasiado líquido!);
  • 125mL de leite magro;
  • Açúcar em pó q.b. (opcional);
  • Miolo de noz q.b. (opcional).

PREPARAÇÃO

  1. Untar uma forma redonda, forrar com papel vegetal, e untar e enfarinhar o papel. Pré-aquecer o forno a 180°.
  2. Com uma faca ou numa trituradora, picar o miolo de noz em pedaços médios-pequenos (conforme a preferência). Envolver os pedaços na colher de sopa de farinha, para ficarem mais soltos, e reservar.
  3. Numa taça grande, misturar os 215g de farinha, o fermento, o bicarbonato, a canela, a noz-moscada e o sal, e reservar.
  4. Numa outra taça, bater bem o açúcar com a manteiga derretida no microondas, até obter uma mistura cremosa. Sequencialmente, acrescentar os ovos, o puré de abóbora e o leite, mexendo bem entre cada adição.
  5. Juntar a mistura de farinha à líquida e mexer na velocidade baixa da batedeira até tudo ficar bem homogeneizado. Finalmente, com uma colher de pau, envolver suavemente as nozes na massa.
  6. Verter a massa na forma, agitar para nivelar, e levar ao forno durante 45 min, ou até que um palito inserido no centro da forma saia seco.
  7. Opcionalmente, cobrir com açúcar em pó e decorar com pedaços de noz antes de servir (ver imagem).

E aí têm, em honra dos meus velhos hábitos: um dos melhores bolos da minha vida, divino quentinho e pecaminoso frio (leia-se: durante o pouco tempo que dura…), que duvido muito, mas mesmo muito, que só façam uma vez!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s