Bolachas saudáveis de aveia e banana

Desde há cerca de um ano, a aveia é uma paixão minha com força para justificadamente intimidar namorados. Com um atraso que hoje considero imperdoável, provei o magnífico cereal pela primeira vez por volta dessa altura, em papas, a bordo de um avião. Foi uma experiência tão life-changing que, mal regressei a Portugal, fui comprar uma embalagem, e, desde aí, tenho preparado e consumido aveia das mais variadas formas. Em tempos recentes, por exemplo, são sempre o meu pequeno-almoço, misturadas em flocos finos com um iogurte natural magro do Continente — os mais cremosos do mercado, publicidade à parte — e uma colher de chá de mel, e deixadas a repousar dois minutos antes de comer.

Com isso dito, também adoro banana; em sabor, é, provavelmente, o meu fruto preferido. Foi por isso que quando vi, pela primeira vez, esta receita fantástica do blog Ambitious Kitchen, não pude evitar ir a correr comprar algumas. É que, dada a enorme escassez de tempo para existir que a minha profissão acarreta, receitas simples e rápidas, para estes lados, são outra paixão: e estas meninas saíram tão boas, mas tão boas, que este fim-de-semana até sou capaz de fazer uma fornada inteira para o namorado, para amenizar aquele ciúme.

FICHA TÉCNICA

  • Tempo: 5-10 min (preparação) + 10 min (forno).
  • Dificuldade: Muito baixa.
  • Porções: ~10 bolachas.
  • Calorias (total): 430 kcal (sem coberturas); 530 kcal (com pepitas de chocolate).
  • Calorias (1 bolacha): 43 kcal (sem coberturas); 53 kcal (com pepitas de chocolate).

INGREDIENTES

  • 1 banana média/grande bem madura;
  • 90g de aveia em flocos finos ou grossos;
  • Coberturas a gosto (eu usei 20g de pepitas de chocolate negro).

PREPARAÇÃO

  1. Forrar um tabuleiro de ir ao forno com papel vegetal. Pré-aquecer o forno a 180°.
  2. Numa liquidificadora, desfazer os flocos de aveia até formar uma farinha mais ou menos fina, conforme a preferência: o resultado é igualmente bom. À parte, com o auxílio de um garfo, esmagar a banana o mais possível, de maneira a que fique em pasta.
  3. Juntar os dois ingredientes numa taça e misturar, primeiro com uma colher de pau e depois manualmente, até obter uma bola homogénea de massa moldável. Por fim, envolver uniformemente na massa as coberturas desejadas: frutos secos, frutos vermelhos triturados, pepitas de chocolate ou de manteiga de amendoim… em alternativa, e ainda mais saudavelmente, pode não se colocar nada.
  4. Com as mãos, fazer bolinhas com a massa, colocá-las no tabuleiro e achatá-las com o auxílio de uma colher metálica, de maneira a obter o formato de bolacha. Se necessário, ajustar manualmente.
  5. Levar ao forno durante 10-15 min, tendo o cuidado de não deixar secar/queimar demasiado — estas bolachas não crescem nem mudam muito de cor com a cozedura, pelo que é preciso estar atento. Retirar e deixar arrefecer antes de consumir.

O resultado final? Um tabuleiro de bolachas deliciosas e saudáveis, sem óleos ou açúcares refinados, com cerca de 43-53 kcal cada (para efeitos de comparação, as típicas “bolachas de pequeno-almoço”, tal como distribuídas pela Proalimentar e por várias marcas brancas, têm à volta de 55 kcal). O difícil, mesmo, é parar de comer. Depois não digam que não avisei!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s